Deu no EcoD, um dos principais portais de sustentabilidade do Brasil: alunos que vão à escola de bicicleta ganham pontos em escola da Itália. A notícia vem da pequena cidade de Aprilia, a 30 km de Roma, que busca incentivar o uso do transporte sustentável entre os mais jovens.

O ideia foi dada por um garoto chamado Lorenzo Catalli. Em uma das viagens de carro com o pai, enquanto estavam presos em um engarrafamento, ele concluiu que seria mais simples se todos pudessem dispensar o automóvel. A partir desse pensamento, desenvolveu um dispositivo que calcula data, horário e distância do percurso realizado, estimando também a emissão de CO2 evitada.

Alunos pedalam em Aprillia, na Itália

Alunos pedalam em Aprillia, na Itália

Dessa forma, passou a ser possível conferir o desempenho ciclístico real de cada um e converter essa informação em notas no sistema de avaliação. Os pontos são acumulados somente com o mínimo de frequência de três ou quatro vezes por semana indo de bicicleta para a instituição.

“Os estudantes já contam com uma variedade de atividades que podem ser realizadas para formar o crédito de formação, como trabalhos voluntários, atividades artísticas, estudo de línguas. Pela primeira vez, o uso da bicicleta, por seu valor ecológico, passou a ser uma delas”, afirmou o diretor da escola, Antonio Perrone, à BBC Brasil.

* Com informaçoes do EcoD

Like this Article? Subscribe to Our Feed!

(Visited 114 times, 1 visits today)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.